05/11/2019

Valinhos autoriza convênio com GCMs de cinco cidades da região

O convênio com as Guardas Civis Municipais (GCMs) de Campinas, Vinhedo, Itatiba, Morungaba e Itupeva, visa otimizar a segurança dos municípios

A Prefeitura de Valinhos autorizou convênio com as Guardas Civis Municipais (GCMs) de Campinas, Vinhedo, Itatiba, Morungaba e Itupeva na utilização de serviços, em conjunto ou separadamente com cada corporação local. O objetivo é otimizar a segurança dos municípios envolvidos, que são limítrofes. Ainda falta a assinatura do contrato para concretizar a parceria.

A autorização foi divulgada no Boletim Municipal, edição 1.870, publicado nesta terça-feira (29), sob a Lei nº 5.922. “A aprovação da autorização para que Valinhos firme convênios com municípios vizinhos facilitará muito as intensas atividades de segurança na cidade e na região”, defende o secretário de Segurança Pública e Cidadania, coronel Carlos Roberto Prestes.

Segundo ele, o acordo tem regras claras de procedimentos e haverá um treinamento para padronizar as ações. “Os municípios sempre terão conhecimento sobre as ações dentro e fora das cidades”, acrescenta o secretário. O acordo é importante para facilitar as atividades das GCMs, uma vez que os limites entre uma cidade e outra é de difícil definição.

“De um lado de uma rua é Valinhos e de outro lado já pertence ao município vizinho. Dessa maneira, fica quase impossível saber se a GCM pode ou não atuar”,  explicou o secretário. Em casos em que o guarda civil ultrapassa os limites entre municípios, ele pode ser penalizado pela atuação fora de sua cidade de origem. Já casos em que identifique um delito e não tome nenhuma providência, poderá ser enquadrado por prevaricação. Por isso a cooperação será de exterma importância.

A cooperação de serviços é prevista na Lei Federal nº 13.022/2014, que dispõe o Estatuto Geral das Guardas Municipais.

………………………………..

O Portal N60 oferece notícias curtas e objetivas para serem lidas em até 60 segundos. Clique AQUI, curta a fanpage e fique por dentro dos principais fatos da nossa região.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.